Thaisa Galvão

29 de janeiro de 2020 às 16:47

Lei das PPPs leva os deputados João Maia e Arnaldo Jardim a cumprirem agendão em SP e RJ [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado federal João Maia, que preside a comissão especial que trata da criação da nova lei de concessões, tem afinado o discurso do novo marco regulatórios das PPPs com o relator do projeto, deputado Arnaldo Jardim.

Os dois montaram uma agenda que reforçam que a nova lei passará pelas cabeças que pensam o Brasil, e não somente os interesses de grupos privados.

Confira a agenda pel reportagem abaixo:

Reuniões tentam afinar Projeto de Lei de Concessões aprovado na Câmara

Dimmi Amora, da Agência iNFRA

Reuniões ao logo de toda a semana entre o presidente e o relator da comissão especial da Câmara que analisa a reforma do marco legal de concessões e PPPs (parcerias público-privadas), deputados João Maia (PL-RN) e Arnaldo Jardim (Cidadania-SP), e representantes de diferentes áreas do setor privado, buscam refinar o substitutivo ao PL 7.063/2017 do Senado, que foi aprovado no fim do ano passado, mesmo com oposição do Ministério da Economia.

O acordo com o governo foi que haveria a aprovação pela comissão, mas que melhorias poderiam ser feitas no projeto na fase de votação no plenário da Câmara, o que o relator quer realizar ainda no primeiro semestre deste ano.

Segundo Jardim, na segunda-feira (27) foram realizados encontros com associações que representam grandes setores da infraestrutura como Abidb, Abimaq, Abicom, ABCR, CBIC, ANTF, Abifer, Sinicesp e Brasinfra.

Em outro encontro, os parlamentares foram à FESP-SP para ouvir sugestões apresentadas por alunos e professores do MBA em PPP e Concessões, curso que é realizado na entidade.

Houve ainda encontro com grandes escritórios de advocacia que trabalham no setor de infraestrutura e com o ex-ministro José Roberto Mendonça de Barros.

Na terça-feira (28) os parlamentares tiveram reuniões com o ex-ministro Delfim Netto, com representantes do Insper e com fundos de investimentos, bancos e financiadores, representados pela Anbima.

Na quarta-feira (29) os encontros foram no Rio de Janeiro.

Foram conversas com representantes da Fundação Getulio Vargas e com os ex-presidentes do Banco Central Carlos Langoni (governo Figueiredo) e Armínio Fraga (Governo Fernando Henrique); e a ex-secretária de Desestatização do governo Fernando Henrique, Elena Landau.

Melhor panorama

Segundo Jardim, a intenção é ter o melhor panorama possível de contribuições de juristas, economistas e entidades do setor de infraestrutura para fazer aprimoramentos no projeto de lei.

“O que percebemos é que há em todos vontade de contribuir com a melhoria do projeto com sugestões, mas uma simpatia muito grande pela sua aprovação”, disse Jardim.

Garantias

Entre as sugestões já apresentadas de aprimoramento, Jardim cita o capítulo de garantias da proposta, em que os representantes de entidades querem que fique mais claro o que são as condições para que sejam revertidas. Também pedem maior detalhamento no capitulo de caducidade das concessões.

Outro pedido de mudança foi em relação às concessões que tiverem outorga. Um artigo previa que os valores fossem revertidos para um fundo a ser usado para investimentos no próprio setor, mas os representantes ouvidos pediram uma maior flexibilidade nessa regra, já que nem todas as áreas necessitam da destinação de recursos de outorga.

Esse foi um dos pontos que mais incomodou o Ministério da Economia no projeto aprovado pela comissão, já que haveria pressão para que recursos arrecadados em outorgas deixem de ser destinados ao Tesouro Nacional. Nos últimos dois anos, as outorgas têm sido um dos principais recursos atípicos usados para reduzir o déficit primário nas contas públicas.

Propostas do governo

Na semana passada, representantes do governo estiveram reunidos com diretores de agências para tratar do PL das Concessões. O governo quer contribuições de todos os órgãos para aprimorar o projeto, não somente na questão das outorgas, mas também em outras áreas.

Os setores de energia e petróleo estão mais preocupados com as mudanças, já que o atual marco legal tem sido suficiente para a realização dos investimentos privados nesses setores. Já as áreas de transportes e infraestrutura urbana têm mais necessidade de mudança no atual marco.

O combinado entre as lideranças do governo na Câmara e os deputados que comandam a comissão é que o governo vai apresentar na segunda quinzena de fevereiro uma contribuição consolidada para ser analisada pelos deputados antes da votação em plenário.

29 de janeiro de 2020 às 16:18

Regina Duarte fala como secretária, não confirma se aceitará convite e diz a fã que não vai morar em Brasília [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A atriz Regina Duarte chegou a Brasília para se reunir com o noivo, presidente Jair Bolsonaro.

Na chegada não confirmou aos jornalistas se teria aceitado ou não o convite para assumir a Secretaria Especial de Cultura.

Ela disse que ainda há um protocolo a ser seguido e que não poderia falar mais sobre o assunto.

No voo 3700 da Latam, entre Congonhas e Brasília, ela conversava com a assessora como secretária.

Porém, quando desembarcou no aeroporto de Brasília e foi para a esteira pegar a bagagem – sem tamanho de mudança – foi questionada por uma senhora que lhe perguntou se ela estaria indo morar em Brasília.

“Não”, foi a resposta da atriz, segundo a fonte que viajou na poltrona atrás da “noiva” do Governo.

De repente…

Esse protocolo que ela falou, mas do qual se recusou a falar, pode ser a questão da moradia…

Brasília em definitivo pode não estar nos planos de Regina Duarte.

29 de janeiro de 2020 às 11:05

Regina Duarte conversa com assessora em voo da Latam sobre o Sim que dará ao presidente Bolsonaro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Fonte boa é essa.

Leitor do Blog acaba de embarcar no voo Latam 3700, em Congonhas, São Paulo, com destino a Brasília.

Na poltrona da frente, 1B, está sentada a atriz Regina Duarte, acompanhada de uma assessora.

As duas só entraram no avião depois que todo mundo já estava acomodado.

Na bagagem, pelo que está escutando a fonte, Regina Duarte leva um Sim para o presidente Jair Bolsonaro.

Regina Duarte será a secretária nacional de Cultura, e consequentemente será desligada da TV Globo.

O noivado vai virar casamento ainda hoje.

29 de janeiro de 2020 às 7:58

Álvaro garante não renunciar ao mandato para ter apoio de Carlos Eduardo Alves que quer disputar o Governo em 2022 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O que faz o prefeito de Natal, Álvaro Dias declarar que, se reeleito, não renunciará ao mandato dois anos depois para ser candidato a governador?

Ora, um acordo com o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves.

Carlos apoia sua reeleição – ou pelo menos fica quieto e não fabrica outra candidatura, como quase fazia com o deputado Hermano Morais – e sendo reeleito Álvaro não disputará o Governo, apoiando, ainda na função de prefeito da capital, a terceira candidatura de Carlos ao Governo do Rio Grande do Norte.

Um acordo muito mais de ‘não me atrapalhe’ do que de ‘me ajude’, já que não se vê nenhum entusiamo do ex com o atual prefeito.

29 de janeiro de 2020 às 7:46

Álvaro Dias promete cumprir 4 anos e não renunciar para disputar Governo se for reeleito prefeito de Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito Álvaro Dias não confirma se será candidato à reeleição.

Não confirma com essas palavras, mas, deixa claro em todo instante que seu plano não é terminar a gestão no final do ano e ir para casa.

Em entrevista que nos concedeu no Jornal da Noite, na 95MaisFM, Álvaro disse que se for reeleito, cumprirá os 4 anos de mandato e não renunciará para ser candidato a governador como tem se dito.

Tipo…não fará o que Carlos Eduardo Alves fez, que renunciou à Prefeitura e não se elegeu governador.

Perguntei se ele estava certo do que dizia e lembrei que Carlos Eduardo também prometeu isso mas não cumpriu.

Álvaro disse que cumpre.

*

Lembrando aqui a promessa não cumprida de Carlos Eduardo: quando decidiu que seria candidato, renunciando ao mandato de prefeito, foi cobrado pelo deputado Kelps Lima que espalhou outdoors pela cidade exibindo o twitter de CE, onde ele dizia que INAPELAVELMENTE cumpriria os 4 anos na Prefeitura.

29 de janeiro de 2020 às 3:42

Indicado de Hermano ao prefeito Álvaro Dias pede para sair [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito Álvaro Dias disse, em entrevista que nos foi concedida nesta terça-feira, no Jornal da Noite, na 95MaisFM, que exonerou, a pedido dele, o adjunto da Secretaria de Administração, Carlos Morais.

Morais foi indicado pelo deputado Hermano Morais, que definiu que será candidato a prefeito de Natal, e virou adversário do prefeito do prefeito Álvaro.

Segundo Álvaro, a decisão foi do próprio Carlos e ele lamentou a saída dele da gestão.

28 de janeiro de 2020 às 16:52

Presidente do STJ libera divulgação do resultado do Sisu [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Liberado o resultado do Sisu.

O presidente do STJ, ministro João Otávio de Noronha, atendeu ao pedido do governo federal e liberou a divulgação dos resultados do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e os próximos passos do processo seletivo com base no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019.

Na sexta-feira (24), a Justiça Federal em São Paulo havia determinado que o processo deveria ser suspenso assim que se encerrassem as inscrições para concorrer a vagas em universidades públicas – o prazo terminou na noite deste domingo (26).

Com a decisão de Noronha, o governo poderá divulgar o resultado do Sisu e deve definir novas datas para o Prouni.

28 de janeiro de 2020 às 16:47

Previdência – Virgínia Ferreira acena com reforma estadual menos cruel do que a federal: “Governo de Fátima não quer penalizar os que sempre pagaram pelos desmandos do Estado” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra começa o ano enfrentando pauta pouco simpática, porém necessária, que é a reforma da Previdência.

Vai conversar muito, e isso tem sido a marca de sua gestão, onde as diversas categorias de servidores públicos tiveram acesso a discussões como nas questões relativas a pagamento de folhas deixadas em atraso e a elaboração do calendário de pagamento.

“Estamos sempre levando para a mesa de negociação os assuntos cruciais para os servidores públicos”, explicou a secretária de Administração do Estado, Virgínia Ferreira, analisando o “grave desequilíbrio” no quadro funcional da administração estadual.

O número de servidores inativos e pensionistas nos quadros do Estado é superior ao número de servidores ativos, gerando o déficit previdenciário. “É menos de um servidor ativo contribuindo para o pagamento de um inativo”, contabilizou a secretária, que já prevê que o movimento sindical não estará do lado do Governo, mas que o Executivo fará de tudo para mostrar que a reforma do Estado do Rio Grande do Norte terá efeitos mais amenos do que a reforma do governo federal que já foi aprovada e já está em vigor.

 

“É impossível uma reforma justa para todos, e o desafio do governo está sendo em reduzir os danos. Temos ainda muitos servidores com salários atrasados e uma crise fiscal para superar. Todos que fazem o Governo da professora Fátima devem vestir a camisa da Reforma porque ela é crucial para amenizarmos a trágica herança que recebemos. Formamos um grupo e devemos estar unidos. Ninguém pode se omitir. Desconheço um governo que esteja dialogando exaustivamente como o nosso”, ressaltou Virgínia.

 

A proposta de reforma do Governo será apresentada nesta quinta-feira (30) ao Fórum dos Servidores antes de ser encaminhada à Assembleia Legislativa.

“Neste momento é de suma importância que todos se apropriem do conteúdo da Reforma, dos benefícios que ela trará e, sobretudo, que defendam o Governo Fátima”, disse a secretária.

“No Governo Estadual não dispomos da Seguridade Social Superavitária. A Previdência Social é um dos tripés da Seguridade Social, juntamente com a Saúde e Assistência Social, e foi uma das principais conquistas da Constituição Federal de 1988. O Sistema Estadual é completamente diferente. E todos sabem da nossa história. Dos saques da Previdência, do déficit da Previdência, mas, o Governo da Professora Fátima não quer penalizar os que sempre pagaram pelos desmandos do Estado”, defendeu Virgínia Ferreira.

 

Segundo a secretária, a reforma do Governo do Rio Grande do Norte não irá penalizar as mulheres e terá uma regra de transição e regras de pensão menos rígidas. “Tudo a ser apresentado, primeiramente aos servidores”, adiantou Virgínia.

“É certo que a greve foi declarada. É um direito que nós, como gestores e defensores da democracia, respeitamos. Mas estamos governo e temos que agir como governo”, explicou a secretária de Administração do Estado.

28 de janeiro de 2020 às 16:08

Lei de Paulinho Freire passa a proibir incentivo fiscal no município de Natal concedidos a empresas envolvidas em corrupção [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito Álvaro Dias sancionou lei aprovada na Câmara Municipal, de autoria do presidente Paulinho Freire, que proíbe o município de conceder qualquer tipo de incentivo fiscal a empresas que estejam envolvidas em casos de corrupção de qualquer espécie.

E a partir de agora, a empresa processada ou condenada por casos de corrupção, ou como coparticipante em ato de improbidade administrativa praticado por agente público em território nacional, não poderá receber nenhum tipo de incentivo fiscal no âmbito do Município de Natal.

Uma empresa poderá voltar a receber incentivo depois de acordo de leniência e cumprimento das sanções previstas na Lei Federal.

“O dinheiro público destinado a incentivos fiscais é para estimular o comércio e a economia de setores e empresas que trabalham com honestidade no seu segmento. Proibir qualquer tipo de benefício a empresas envolvidas em corrupção é um compromisso nosso de transparência e integridade com o cidadão natalense. É isso que a sociedade cada vez mais quer ver em tudo o que rege o que é público”, justificou Paulinho Freire.

28 de janeiro de 2020 às 15:57

TRE mantém no cargo o prefeito de Guamaré Adriano Diógenes [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O TRE manteve no cargo, por 5 votos a 2, o prefeito de Guamaré, Adriano Diógenes, e a vice-prefeita Iracema Maria.

O Tribunal julgou nesta terça-feira o recurso da decisão em primeira instância, que cassou o mandato dos dois.

Adriano foi eleito prefeito em dezembro de 2018, no pleito suplementar realizado para substituir o prefeito cassado, Hélio de Mundinho e da vice Iracema Maria.

Iracema, a vice de Adriano, julgada hoje, é a mesma Iracema, vice de Hélio, cassada em 2018.

Adriano era secretário da gestão de Hélio e foi o candidato de Hélio.

28 de janeiro de 2020 às 14:55

Prefeito Tulio Lemos atualiza governadora sobre o Carnaval de Macau [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Macau, Tulio Lemos, recebeu a governadora Fátima Bezerra nesta segunda-feira no stand de Macau, na Fiart.

Mostrou o trabalho dos artesãos do município e atualizou a governadora sobre a realização do carnaval de Macau, que está sendo retomado este ano com apoio de empresas privadas e infraestrutura da Prefeitura e do Governo do Estado.

Durante anos o carnaval de Macau foi considerado o maior do interior do Estado, garantindo renda extra ao município, mas nos últimos anos foi impedido judicialmente de acontecer com o mesmo formato de antigamente.

A expectativa é que este ano Macau volte a lucrar com a festa.

Foto Demis Roussos

28 de janeiro de 2020 às 10:28

O retrato de Fátima e Álvaro na Fiart [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da noite de abertura da Fiart, no Centro de Convenções de Natal.

O artista retrata em desenho na hora a imagem dos visitantes da feira de artesanato.

Abaixo o presente para a governadora Fátima Bezerra e o prefeito Álvaro Dias.

 

28 de janeiro de 2020 às 10:25

Governadora Fátima Bezerra abre Fiart com presença do prefeito de Natal Álvaro Dias [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra abriu oficialmente a 25ª Fiart – Feira Internacional de Artesanato na noite desta segunda-feira no Centro de Convenções de Natal.

O Governo investiu na participação de 661 artesãos, direta e indiretamente, dos quais 230 são individuais e entidades, e 180 foram selecionados através de edital de chamamento público e 50 convidados por serem membros de  povos tradicionais (quilombolas, ciganos, de terreiros e indígenas) e de territórios. 

A Fiart tem representação de 26 municípios e tem apoio da Sethas para participar do evento que segue até domingo.

“Temos um compromisso com este setor para promover e avançar em políticas públicas para os artesãos do nosso Estado. Instalamos o Conselho do Programa do artesanato do RN, que conta com a participação dos produtores e artesãos, pois compreendemos o papel do artesanato para o turismo e para toda esta cadeia produtiva. Fruto deste trabalho, em 2019, o artesanato faturou mais de R$ 1 milhão em 18 feiras realizadas no Estado e também em outros eventos nacionais, nos quais o Governo garantiu a presença dos nossos artesãos”, disse a governadora.

Acompanhado da titular da Semtas, Andrea Dias, que apoia as ações de aryesãos na capital, o prefeito Álvaro Dias marcou presença na abertura da Fiart.

Fotos Demis Roussos e Eudes Regis

28 de janeiro de 2020 às 0:45

Ana Maria Braga enfrenta terceiro câncer de pulmão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A apresentadora Ana Maria Braga anunciou no final do seu programa nesta segunda-feira, que enfrenta pela terceira vez um câncer de pulmão.

Os outros dois foram curados e Ana Maria disse acreditar que este também será debelado.

28 de janeiro de 2020 às 0:26

Zenaide Maia já destinou quase 75 milhões em emendas para 106 municípios do RN [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A senadora Zenaide Maia fez as contas: de 2016 a 2019, somando o mandato de deputada federal e o primeiro ano no Senado, já destinou para o Rio Grande do Norte em emendas parlamentares, R$ 74,5 milhões.

Os recursos chegaram a 106 municípios do Estado.

“O valor de 74,5 milhões foi para atender o bem-estar da população do Estado do Rio Grande do Norte, independentemente de sigla partidária.  A prioridade foram as demandas do povo”, disse a parlamentar, que definiu Saúde e Educação como prioridades.

Entre as unidades de Saúde contempladas estão o Hospital Regional do Seridó (Caicó), o Hospital Dr. Marcílio Alves (Ceará-Mirim), o Hospital Francisca Pereira Mariz (Jardim de Piranhas), a Maternidade Belarmina Monte (São Gonçalo do Amarante); o Hospital Infantil Varela Santiago, a Maternidade Escola Januário Cicco e o Hospital Santa Catarina, em Natal. 

Também foram destinados recursos para a Liga Norte-Rio-Grandense Contra o Câncer de Natal e de Mossoró e para os três Hospitais das Forças Armadas sediados na capital (Exército, Marinha e Aeronáutica).

Na Educação, destaque para emenda de R$ 15 milhões para o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), e repassado aos municípios;

Ainda recursos para a UFRN, UFERSA e para o IFRN.

Na área Social foram atendidas as APAE’s, a Sociedade dos Deficientes Físicos (SADEF), o Centro de atenção aos deficientes auditivos (SUVAG), o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS), em São Vicente…

“A tendência é continuar atendendo entidades sociais e filantrópicas nos próximos anos”, ressaltou Zenaide, que ainda contabiliza destinação de recursos para as áreas de segurança, justiça e cidadania, atendendo a Secretaria de Segurança do Estado, a Polícia Rodoviária Federal, a Defensoria Pública e a Justiça Federal (construção da sede em Assú).

A senadora ainda destinou recursos para ações nas áreas de infraestrutura, turismo, esporte e agricultura do Rio Grande do Norte.

27 de janeiro de 2020 às 22:49

Uol: Advogado Erick Pereira diz que governador do Rio ‘violou o Código Penal’ ao postar conversa gravada sem conhecimento do presidente Hamilton Mourão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O advogado natalense Erick Pereira foi ouvido nesta segunda-feira pelo repórter do Uol/Rio para opinar sobre a legalidade do vídeo postado pelo governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, em seu twitter.

O governador gravou e postou uma conversa dele com o presidente da República em exercício, Hamilton Mourão, sem que Mourão soubesse que estava sendo gravado.

Um crime, segundo Erick Pereira, contrariando o entendimento do advogado Manoel Peixinho.

Doutor em Direito Constitucional pela PUC/SP, Erick é professor da UFRN, e não da PUC como registrou a reportagem.

Confira a reportagem e o vídeo do governador do Rio:

Gabriel Sabóia

Do UOL, no Rio

Juristas ouvidos pelo UOL divergem sobre se houve algum tipo de ilegalidade por parte do governador do Rio, Wilson Witzel (PSC), ao publicar um vídeo em sua conta no Twitter no qual liga para o presidente da República em exercício, Hamilton Mourão (PRTB), com o viva voz ligado, e fala sobre as chuvas que atingiram o estado.

Mourão não sabia que o contato estava sendo gravado enquanto conversava com Witzel, na tarde de ontem, sobre a ajuda que o governo federal daria ao estado. A divulgação do telefonema foi criticada tanto por Mourão —que a definiu como antiética— como pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que tem o governador do Rio como desafeto político.

Para o doutor em direito constitucional e professor da PUC-SP, Erick Pereira, o governador —que é ex-juiz federal— teria violado o Artigo 153 do Código Penal.

“Em que pese o interesse ser meramente eleitoreiro, estarrece a revelação do diálogo porque caracteriza crime, tanto pela Lei de Segurança Nacional, quanto pelo Código Penal. O artigo 153 prevê detenção de um a seis meses, ou multa, ‘para quem divulgar sem justa causa, conteúdo de documento particular ou de correspondência confidencial, de que é destinatário ou detentor, e cuja divulgação possa produzir dano'”, explica.

De acordo com o advogado, o vice-presidente da República deveria estar ciente da divulgação e consentir com o eventual compartilhamento. Apesar da crítica, Mourão afirmou hoje que o assunto está superado.

Em dissonância com Erick Pereira, o professor de direito constitucional da PUC-RJ Manoel Peixinho diz que Witzel não cometeu crime ao divulgar o conteúdo.

Ele argumenta que, por ter sido o autor do telefonema, Witzel não precisaria pedir autorização e que, portanto, não há qualquer irregularidade. Para Peixinho, o debate tange somente o campo ético e político.

“Quando a pessoa liga, não há a necessidade de pedir autorização. É uma ligação em ‘defesa própria’, de interesse público. Não há irregularidade. O que ele não poderia era fazer uma interceptação de terceiros, gravar outras duas pessoas conversando entre si. É claro que há um debate ético e político que pode ser travado, mas juridicamente não vejo problema. Até aconselho a clientes meus que estão sendo acusados de assédio moral a gravar telefonemas feitos por ele. É a chamada ‘ligação de defesa própria'”, explica.

Questionado sobre o vídeo gravado por Witzel, Mourão disse que o governador fluminense “esqueceu a ética e a moral”.

“Em relação ao governador Wilson Witzel, ele diz que foi fuzileiro naval. Eu acredito que ele esqueceu a ética e a moral que caracterizam as Forças Armadas quando saiu do corpo de fuzileiros navais. Nada mais tenho a dizer a respeito”.

Hamilton Mourão, vice-presidente da República.

Depois do mal-estar, Witzel divulgou uma nota para explicar a publicação da conversa com Mourão, na qual o chama de “presidente”. Segundo o comunicado, tudo se tratou de uma “conversa de trabalho”. “O vídeo divulgado nas redes sociais do governador Wilson Witzel tem somente a intenção de tranquilizar os moradores de cidades do noroeste do estado, fortemente atingidas pelas chuvas e, em função disso, sem item básico neste momento que é água para consumo”, diz a nota.

Horas depois, Witzel disse no Twitter que o telefonema para Mourão “foi para mostrar união, pedir apoio e dar satisfação ao povo e aos prefeitos em uma hora tão difícil”.

27 de janeiro de 2020 às 21:48

Jorge do Rosário diz que Pastor Alfredo não fala pelo PL de Mossoró e que não definiu candidatura de Paulo Linhares [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Não colou…

Presidente do PL em Mossoró, Jorge do Rosário ligou para o Blog para dizer que recebeu o Pastor Alfredo em seu escritório para conversar sobre política.

O pastor lhe perguntou o que ele achava de Paulo Linhares…

“Paulo é meu amigo”, disse Jorge, afirmando que o pastor sugeriu o convite para ser candidato, mas ele respondeu que, como presidente da legenda em Mossoró, estava conduzindo a sucessão…

E até que sua possível candidatura a prefeito não estava descartada.

“Pastor Alfredo não fala pelo PL de Mossoró, ele pode falar pelo PL de Pau dos Ferros”, disse Jorge, lembrando que o evangélico foi vice-prefeito daquele município.

O deputado João Maia também falou que essa estratégia não passou por ele.

Portanto, no PL, o quadro atual é de discussão em torno de uma possível candidatura de Jorge do Rosário ou de apoio a uma candidatura….

Que o Blog aposta ser a da prefeita Rosalba Ciarlini.

27 de janeiro de 2020 às 16:39

Evangélicos convidam Paulo Linhares para disputar Prefeitura de Mossoró com aval do PL de João Maia e Jorge do Rosário [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Está surgindo nome novo no processo sucessório em Mossoró.

Novo para o processo atual, mas já candidato em outras eleições.

É Paulo Linhares, que além de candidato já ocupou cargos públicos no município e apresenta o programa ‘Política em Debate’, com o jornalista Gilberto de Souza na Rádio Difusora.

Paulo foi convidado hoje para ser o candidato com aval do segmento evangélico de Mossoró, pelos pastores Alfredo Luiz, falando em nome do PL.

Ele é presidente da comissão política de ministros evangélicos do Nordeste da Assembleia de Deus no Rio Grande do Norte, e Francisco Miranda, do PSC, presidente da Assembleia de Deus em Mossoró e vice-presidente no RN.

A reunião dos pastores com Linhares aconteceu na sede da Rádio Difusora e durou cerca de duas horas.

Linhares se animou, ainda mais quando Pastor Afredo disse que a candidatura tinha o aval do presidente municipal do PL, Jorge do Rosário, e do presidente estadual, deputado João Maia.

Depois da reunião Paulo Linhares ligou para Jorge do Rosário e o liberal mossoroense disse que não seria contrário ao partido.

Tentei contato com o presidente estadual João Maia, que respondeu rapidamente que estava numa reunião em São Paulo, e depois de ouvir o que perguntei sobre candidatura -novidade em Mossoró, se resumiu a dizer que estava cuidando da Lei das PPPs em reunião com economistas e advogados.

O que o Blog sabe é que Jorge do Rosário andava pra lá de afinado com à reeleição da prefeita Rosalba Ciarlini, e João Maia também.

Aí fica a questão.

A candidatura do PL seria pra valer ou para espalhar ainda mais a quantidade de chapas em Mossoró facilitando à reeleição de Rosalba?

Porque entre outras candidaturas de partidos menores, já são tidas como certas as candidaturas do deputado Alysson Bezerra, com aval do ex-candidato a prefeito de Mossoo Tião Coito, e da deputada Isolda Dantas, com apoio da governadora Fátima Bezerra.

27 de janeiro de 2020 às 16:14

Para não atrair oportunistas, Bolsonaro só deve criar partido para concorrer em 2022 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da revista Crusoé:

O filtro de Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro já não faz tanta questão de registrar o partido ‘Aliança pelo Brasil’ a tempo de conseguir disputar as eleições municipais de outubro.

Teria de fazê-lo até abril, mas teme que a pressa transforme a legends numa espécie de PSL doB.

Ele acha que a nova sigla precisa se dedicar a fazer uma necessária filtragem para que não filie candidatos não alinhados ao perfil do governo.

Por isso, a tendência é que o ‘Aliança pelo Brasil’ só esteja apto para concorrer as eleições em 2022.

27 de janeiro de 2020 às 12:00

Álvaro Dias acena para o próximo ano [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito Álvaro Dias começa a enxergar o futuro político, prevendo uma possível reeleição.

E neste domingo, na procissão de Nossa Senhora dos Navegantes, na praia da Redinha, acenou para a procissão do próximo ano – já depois das eleições – avisando que a Redinha estará diferente, se referindo às obras de reurbanização da praia que serão iniciadas em breve.